23/11/2019

* 2019 - Gugu Liberato

Antônio Augusto Moraes Liberato (São Paulo, 10 de abril de 1959 — Orlando, 22 de novembro de 2019), mais conhecido como Augusto Liberato ou, abreviadamente, Gugu Liberato, foi um apresentador de televisão, empresário, ator e cantor brasileiro. Apresentador estava internado desde quarta-feira (20), quando sofreu acidente em casa em Orlando, nos Estados Unidos, e bateu a cabeça. Filho de portugueses, começou na televisão aos quatorze anos como assistente de produção do programa Domingo no Parque, apresentado por Silvio Santos no SBT. Gugu é considerado como um dos apresentadores mais consagrados da história da televisão brasileira. Já apresentou grandes sucessos, como Viva a Noite, Sabadão Sertanejo, Domingo Legal, Gugu (que foi exibido de 2015, quando estreou na quarta após a novela Vitória, até o ano de 2017) e atualmente estava com o reality show Power Couple Brasil, após a saída do antigo apresentador, Roberto Justus, no final de 2017.

Carreira
Gugu chegou a iniciar um curso de Odontologia na Universidade de Marília (Unimar), na cidade de Marília, em São Paulo, porém desistiu do curso, atendendo ao chamado de Silvio Santos, que o convidou a assumir um posto em frente às câmeras. Um de seus primeiros programas, em 1981, foi a Sessão Premiada paulista - a versão carioca era apresentada por Paulo Barboza. Em 1982, Silvio Santos pediu que Nelly Raymond, uma importante diretora argentina, criasse um programa para os sábados à noite. Era o Viva a Noite, que no início era dividido em várias partes, e apresentado também por nomes como Ademar Dutra, Mariette Detotto e Jair de Ogum. Depois de algumas mudanças de formato, Gugu permaneceu sozinho no comando do programa, posteriormente dirigido por Homero Salles. Ao mesmo tempo que comandava o Viva a Noite, Gugu permaneceu por algum tempo dirigindo o Domingo no Parque e como editor do boletim Semana do Presidente, que era veiculado nos intervalos entre os quadros do Programa Silvio Santos. Depois do sucesso do grupo Menudo, famoso pela música "Não Se Reprima", que foi exaustivamente promovido pelo programa Viva a Noite em 1984, lançou grupos musicais brasileiros do mesmo formato, como Dominó e Polegar, se tornando um empresário de sucesso. Sua produtora, a GGP, é responsável pela gravação de comerciais, programas e séries.

Em agosto de 1987, no auge do sucesso do Viva a Noite, Gugu assinou um contrato com a Rede Globo. Porém, no sábado de Carnaval de 1988, Silvio Santos foi pessoalmente à sala do dono da emissora carioca, Roberto Marinho, no jornal O Globo, pedir a liberação do apresentador para permanecer no SBT. Silvio iria se submeter a uma delicada cirurgia e fez uma proposta milionária a Gugu, oferecendo grande parte da programação dominical. Para se ter uma ideia, o salário do apresentador aumentou em dez vezes, fora os ganhos com publicidade. Gugu estreou nos domingos do SBT em 17 de abril de 1988, apresentando sozinho os quadros Passa ou Repassa e Cidade contra Cidade. Gugu também dividiu com Silvio Santos a apresentação do Roletrando. Em 30 de outubro de 1988, estreou o quadro TV Animal. Mesmo apresentando parte da programação dominical, Gugu manteve-se à frente de atrações no sábado à noite, principalmente com programas musicais como o Sabadão Sertanejo. O maior sucesso, porém, veio com o Domingo Legal, que rivalizava exatamente com o Domingão do Faustão, programa ironicamente criado para ser seu. A concorrência, em fins dos anos 1990, foi durante muito tempo favorável a Gugu, que encerrou a década com picos acima de 40 pontos de audiência. Também atuou no cinema, ao lado das apresentadoras infantis Xuxa Meneghel e Angélica, do grupo Os Trapalhões e, na música, Gugu lançou vários LPs e CDs, incluindo um álbum de estúdio nomeado Gugu Para Crianças, que já vendeu mais de 100 mil cópias no Brasil, e sendo premiado com disco de ouro pela ABPD. Gugu recebeu 11 estatuetas do Troféu Imprensa, as quais: revelação de 1982, animador de 1995 a 2000 e 2002, programa de auditório de 2008 e programa sertanejo de 1991 e 1992. Venceu também o Troféu Internet de programa de auditório em 2005. Gugu também lançou duas séries de revistas em quadrinhos. A última leva foi entre 1988 e 1990, com 20 gibis e quatro almanaques.

30/10/2019

* 2019 - Primeira Comunhão ou Primeira Eucaristia


Minha 1ª comunhão fiz dia 30 de outubro de 1966, tinha 9 anos e tradicionalmente era feito a doutrina quando íamos para a 1ª série e por 2 anos fazíamos a preparação para a 1ª comunhão. No colégio Sagrada Família eramos somente meninas estudando nesta época, mas no dia da comunhão o Colégio Santo Antonio que estudavam somente meninos se reuniam e faziam a 1ª comunhão na Igreja Matriz São Paulo Apóstolo, hoje Catedral São Paulo Apóstolo na cidade de Blumenau, Santa Catarina. Ao adentrar na Igreja eram realizada filas de meninas e de meninos paralelamente e todos acendiam uma vela  na entrada da igreja. Lembro que neste momento o menino ao meu lado distraiu-se e encostou a vela em meus cabelos e grinalda,pegou fogo que logo foi apagado pelas professoras e irmas do colégio. Não lembro se houve outros pequenos acidentes,a não ser alguns desmaios de crianças que estavam em jejum. Após a cerimonia fomos para o salão de festa tomar nosso 1º café da manhã, pois para celebrar a comunhão todos deveriam estar em jejum. Era um gostoso café com leite e muitas cucas servidas numa longa mesa. Apesar de colégio particular todas as meninas usavam o mesmo estilo de tecido e modelo de vestido, não diferenciando neste momento classe social. Era comprado o tecido na escola e o modelo também era fornecido pelas madres. Pequenos gestos de carinhos não nos deixa esquecer tantos anos passado dessa data, era comum na segunda-feira a Madre superiora irmã Clotilde que era a diretora do Colégio chamar as meninas em seu gabinete para entregar uma pequena lembrança e o santinho com sua dedicatória. Havia meninas com seus santinhos distribuindo na sala de aula para amigas e professoras como recordação de sua 1ª comunhão. Hoje aos 62 anos lembro cada detalhe desse momento que já se passaram 53 anos, mas fica em nossa memória. 
Primeira Comunhão
A Primeira Comunhão ou Primeira Eucaristia é o ato religioso da Igreja Católica no qual é celebrada a primeira vez que a criança cristã irá receber o Corpo e o Sangue de Cristo (sob a forma de pão e vinho) , respectivamente (hóstia). Trata-se de um dos Sacramentos da Igreja – assim como o Batismo – no qual é representado “o próprio sacrifício do Corpo e do Sangue do Senhor Jesus, que Ele instituiu para perpetuar o sacrifício da cruz no decorrer dos séculos até ao seu regresso“. Após esta cerimônia, eles passam a poder receber a Eucaristia, uma das celebrações centrais da Igreja Cristã, desde o século I d.c.
Hóstia
Hóstia é o nome dado à partícula da eucaristia após sua consagração e é representada neste rito religioso como o pão. Mas uma curiosidade que poucos sabem é que esta é feita a partir de um pão sem fermento, produzido com água e farinha de trigo, sem a adição de fermento ou sal. A produção da hóstia, que será consagrada pelo sacerdote, ainda é feita de forma artesanal em algumas localidades. A palavra Hóstia, em latim, quer dizer vítima, que entre os hebreus, era o cordeiro, sem culpa, imolado em sacrifício a Deus.
Como a criança se prepara para a Primeira Comunhão?
Comungar
Para se preparar para a Primeira Eucaristia, a criança cristã deve aprender e compreender alguns dos princípios da Igreja, tais como os 10 Mandamentos, como acontece uma Celebração Religiosa (Missa), as principais Orações, os Mandamentos da Igreja e os 7 Sacramentos. Este aprendizado é normalmente adquirido por meio da Catequese – considerado um curso religioso – ou na própria escola, quando este tem na sua base o Ensino Religioso. Para poder participar, o catequizando deve antes fazer a confissão dos seus pecados (de forma singular) ao Padre da Igreja em que será comungado. A escolha da Igreja é de acordo com a preferência da família, ou seja, aquela que já estão habituados a frequentar. O costume diz que, sempre que pecar deve confessar primeiros os seus pecados, para então poder receber a Sagrada Eucaristia.
Cerimônia da Primeira Comunhão?
Esta Cerimônia ou Missa costuma ser diferente das tradicionais, no sentido de que será a primeira na qual a criança passará a conhecer os ensinamentos de Deus, assim como ampliará o seu convívio religioso, por meio das Missas Dominicais. Normalmente, as crianças que fazem a Primeira Comunhão levam o pão e o vinho até o Altar. Neste momento, o Padre fará a apresentação destas à Deus, oferecendo para que se convertam no Corpo e Sangue de Cristo.
A comunhão
Neste momento da celebração, o Padre aproximará da criança e pronunciará as palavras “O Corpo e o Sangue de Cristo“.  A criança responde: “Amém“, de maneira a demonstrar a sua fé no Sacramento, recebendo a hóstia em sua boca. Após comungar, a criança deverá se manter em silêncio e em Oração, agradecer as dádivas concedidas a si, sua família e amigos.  Deve ainda pedir as bênçãos necessárias para ser um bom e generoso Cristão.
Normalmente, antes de os cristãos receberem a Primeira Comunhão, eles têm que saber e compreender alguns princípios e conhecimentos fundamentais da Igreja, nomeadamente os 10 Mandamentos, também os mandamentos da Madre Igreja, as principais orações, os 7 sacramentos, etc. Para se realizar este rito religioso é necessário que o catequizando faça a confissão dos pecados particularmente com o sacerdote, o que irá se repetir sempre que, o já catequizado, pegue gravemente, para assim tornar a receber a Sagrada Eucaristia. 
Qual roupa usar para a Primeira Comunhão?
Assim como  no Batismo do Bebê, também é necessário uma roupa especial para receber a Primeira Comunhão. Geralmente a roupa é branca ou em tons claros pastéis (por exemplo, creme ou bege). Em alguns casos, coloca-se uma fita junto a cintura (do homem ou mulher) com uma cor específica, que pode ser decidida pela mãe, Igreja ou colégio. Recomenda-se conversar com a Igreja para saber quais são as exigências necessárias.
Para os momentos de Oração a criança deverá ter em suas mãos uma vela longa e branca, decorada especialmente para a cerimônia. É permitido que essa tenha detalhes e, deve ser acompanhada de um terço e um pequena Bíblia.
Como celebrar este momento?
A Missa da Primeira Eucaristia acontece no período da manhã e portanto, caso a família queira aproveitar para celebrar o momento, junto com a família convidada para este momento, pode fazer um almoço em casa ou então combinar em um restaurante, por exemplo. Não se trata de uma regra, mas sim uma opção.
Lembrancinhas da Primeira Eucaristia
Os itens religiosos são aqueles que predominam a escolha. Mesmo porque este é um rito irá apresentar a vida Cristã a criança, que já é capaz de entender e perceber as questões religiosas. Por isso, os itens mais comuns e escolhidos como lembrancinhas da Comunhão são:
1. Tercinhos;
2. Mini Biblias;
3. Velas Decoradas;
4. Anjinhos;
5. Caixinha Símbolo com Bombom;
6. Porta Retrato Temático;
7. Marcador de Livros com uma Oração;
8. Medalhas do Anjo da Guarda;
9. Escapulários Religiosos.
Por Thais Manini - 12 de novembro de 20171968 47
https://pt.wikipedia.org/wiki/Primeira_comunh%C3%A3o

Related Posts with Thumbnails