12/09/2015

* 2015 - A ARTE DO CAPITONÊ

De origem inglesa, essa técnica surgiu por volta de 1840 como forma de agregar valor aos trabalhos manuais. Nesse tipo de estofamento, o acolchoado é dividido por pontos feitos com cordões ou fios grossos, que formam saliências quadradas ou retangulares, o formato depende da distância em que são inseridos os cordões e, consequentemente, formados os afundamentos. As depressões podem ser profundas ou superficiais. Almofadas de capitonê sempre estão fazendo  sucesso e você pode aprender como fazer  acompanhando as indicações do passo a passo. 
Algumas pessoas chamam de ponto capitonê, outras de favo de mel.
Com origem inglesa, o capitonê e o botonê surgiramem meados de 1840, como forma de valorizar o trabalho manual. 
Tipo de  ponto, um clássico atemporal e dá um aspecto vintage aos vestidos onde aparece. A casinha de abelha (ou capitonê)  é o nome dado ao ponto que bordado no tecido faz um desenho fantasia à base de pequenos losangos, efeito obtido através de técnica que alterna as flutuações de urdume e de trama, criando um aspecto que imita o alvéolo da abelha, daí o nome. Esse ponto requer um tecido leve com trama estável por isso os tecidos mais usados são algodão e seda.




 Lista de Materiais
         1,10m de tecido Oxford;
         Régua para capitonê de 3 cm;
         Agulha de costura;
         Linha de costura na cor do tecido;
         50cm de tecido TNT;
         Manta acrílica siliconada;
         Zíper de 35 a 40 cm;
MODELOS DE ALMOFADAS DE CAPITONÊ 



http://artesanatobrasil.net/como-fazer-almofada-em-ponto-capitone-e-bordado-de-fitas/

Um comentário:

Vângela Queiroz disse...

Lindas almofadas... Abraço, Dalva!

Related Posts with Thumbnails