18/05/2008

* 2008 - História do TEAR

A tecelagem surgiu com a domesticação da cabra, da ovelha e de outros animais. A fiação e a tecelagem desenvolveram-se após as pessoas adquirirem conhecimentos sobre a utilização de certas plantas têxteis como o linho, o algodão e outras fibras vegetais.
As vestes tecidas tomaram o lugar das peles de animais, pois o material tecido já podia ser utilizado para fazer roupa à semelhança das peles.
Eram igualmente produzidos pequenos cestos, sacos e outros objetos para transporte.
No Brasil, a tecelagem surgiu no século XVIII, no período colonial, quando era preciso produzir vestes para cobrir escravos e gente simples.
Minas Gerais foi à região que mais absorveu a arte de tear manualmente, desenvolvendo características próprias, conservando, porém, a tradição trazida pelos colonizadores portugueses.

Houve tempo em que toda casa mineira tinha uma roda de fiar e um tear tosco de madeira. Fazia-se o fio e do tear saíam colchas e roupas para a família.

A atividade de tecer era inteiramente rudimentar, começando pelo plantio do algodão cru e ganga, que, depois de colhido era descaroçado num descaroçador manual, cardado e fiado. Cascas e raízes eram utilizadas para o tingimento dos fios.

Atualmente, a ABLUDEF esta cedendo o espaço , para que a professora Beralice, ensine e beneficie 10 associados a ter o prazer de tecer lindas mantas, colchas e com esse ofício aprendido, possam estar contribuindo para a renda familiar. Com o resultado desses trabalhos artesanais será realizado uma mostra no dia 31 de maio, na Fundação Cultural de Blumenau. A ABLUDEF estará participando do 3º Circo Acústico, as 19 h na Fundação Cultural de Blumenau , no seguinte endereço:

Rua XV de Novembro, 161 - Centro - Blumenau / SC CEP 890100 001(47) 3326 6871 – Recepção no antigo prédio da prefeitura

2 comentários:

gokula disse...

oi tudo bem,gostaria de saber se vc tem o projeto de como fazer um tear como esse,eu e minha esposa estamos interesados,porem ate agora nao consegui nada,se puder enviar ficarei muito agradecido...

Kátia disse...

Olá!

Puxa! Tb gostaria de saber como fazer. Mas nao posso/gostaria de deixar meu email exposto aqui (e nao tenho blog). Se vc tiver o projeto e puder publicar aqui seria ótimo! Voltarei p/ ver.
Abs,
Kátia
Sao Luís-MA

Related Posts with Thumbnails